Menu fechado

Curiosidades sobre motores automotivos

O motor de um carro é, em uma livre metáfora, o coração do veículo.

Ele é responsável pelo funcionamento do veículo e por isso deve receber cuidados e avaliações constantes para manter seu desempenho como esperado. Confira como cuidar dele corretamente.

Como aumentar a durabilidade do motor?

Existem recursos que podem ser utilizados para melhorar a performance do motor, como o Condicionador de metais.

Esse produto é um redutor de atrito, responsável por lubrificar as peças metálicas, diminuindo a fricção entre elas.

Uma crença comum relacionada ao uso deste produto é que ele serve para acrescentar aditivos ao óleo lubrificante, o que não é verdade.

Sua ligação com o óleo lubrificante se dá apenas por ser transportado por este para o sistema interno do motor.

O seu uso diminui o desgaste das peças do motor, aumentando a sua durabilidade.

Quando alcança as peças, o condicionador forma uma película sobre elas, endurecendo a superfície das peças, garantindo-lhes maior resistência.

Os benefícios do uso deste produto são:

  • Redução da temperatura do motor;

  • Redução do ruído e vibração do motor;

  • Aumento da vida útil dos componentes;

  • Pequena redução no consumo de combustível.

Qual a importância do motor de arranque?

O motor de arranque é responsável por impulsionar o carro, fazendo com que ele ganhe vida.

Quando o carro está em funcionamento ele faz uso do motor principal, por isso o motor de arranque tem uma vida bastante longa, considerando que seu uso é feito por apenas alguns segundos, durante a ligação do carro.

Alguns danos nesse componente podem ser causadas por atitudes como insistir no funcionamento quando o motor principal não engrena e acionamento do motor de arranque quando o motor principal já está em funcionamento.

O mau funcionamento desse equipamento, que também é conhecido como motor de partida, geralmente está ligado à problemas no combustível, nas bobinas de ignição ou nas velas de ignição.

Quando há mau funcionamento neste componente é essencial consultar um bom mecânico que irá avaliar todas as peças a fim de encontrar o defeito.

É preciso checar a bateria do motor, verificar o isolamento dos fios, observar se as escovas de acionamento não estão desgastadas, além dos fusíveis do motor.

Dependendo do problema encontrado, é possível fazer o Recondicionamento de motor de partida, mas em alguns casos, o ideal será fazer a troca do componente inteiro, tudo dependerá da extensão do dano encontrado.

Por que fazer usinagem do veículo?

Com o passar do tempo, o carro pode começar a apresentar pequenos problemas que atrapalham o seu desempenho.

Mesmo que não seja nada muito grave que o faça parar de funcionar, o ideal é procurar uma oficina.

Pois uma avaliação completa e preventiva pode encontrar pequenos defeitos que podem ser rapidamente corrigidos evitando problemas e prejuízos maiores no futuro.

Para aumentar a vida útil de um motor é aconselhado que ele passe por um processo conhecido como Usinagem de motor.

Que consiste na desmontagem completa do equipamento para reparação das peças desgastadas que podem estar causando problemas de funcionamento.

O processo de desmontagem deve ser todo documentado e fotografado para atestar tudo o que veio e tudo que está voltando para o cliente.

Após esse processo, todas as peças são devidamente lavadas a fim de remover óleos e graxas para que todas as imperfeições das peças possam ser vistas e nada volte ao cliente sem reparo.

O próximo passo da retifica de motores, como também é conhecido o procedimento, é a avaliação minuciosa das peças que compõem o motor.

A partir da avaliação obtida com as medições dos equipamentos, o que permite ver os desgastes sofridos, é feito o orçamento para o cliente. Uma vez aprovado, começa a ser feita a reparação das peças.

Após o reparo, as peças são novamente lavadas para retirar impurezas que possam ter aderido durante o processo de conserto e remontadas.

São aplicados produtos específicos antiferrugem nas peças reparadas. Podem ser feitas substituições de peças muito desgastadas por peças novas, como pistões, anéis, juntas e filtros.

Após a montagem final do motor é feito um teste final visando avaliar o funcionamento de todos os componentes, como potência, pressão do óleo, fumaça etc.

Se tudo estiver de acordo com o esperado, é feita a pintura do motor completo e o veículo é liberado. A retífica consegue entregar ao cliente um motor com funcionamento equivalente a um novo.

Muitos motoristas têm problemas em seus veículos por não investirem em uma boa avaliação preventiva e por não investirem em cuidados com o motor do carro.

Manter esse equipamento constantemente conservado é mais vantajoso que ter que fazer uma reparação maior depois ou mesmo trocá-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *