Menu fechado

Dicas de como realizar a manutenção do seu veículo

manutenção

Ter um veículo também implica em outras responsabilidades sociais, no cuidado e atenção ao dirigir com os outros motoristas e pedestres. Mas, também envolve o processo de manutenção veicular e alguns cuidados para garantir que o veículo tenha uma vida útil elevada.

Por isso, esse artigo vai tratar sobre algumas dicas de como realizar a manutenção do seu veículo, assim como outros procedimentos necessários para ajudar a garantir a segurança. Confira!

Você já ouviu falar no uso do tacógrafo?

O tacógrafo é um elemento utilizado nos caminhões, e é indicado para realizar o armazenamento de dados de acordo com os procedimentos que estiverem sendo realizados no caminhão. Ou seja, por meio desse aparelho é possível detectar:

  • A velocidade do caminhão;
  • O trajeto percorrido;
  • O tempo do percurso;
  • Velocidade no momento de curvas perigosas.

De modo geral, existe o tacógrafo que é mecânico, podendo servir também como um velocímetro.

Outro modelo é o tacógrafo eletrônico, que é bem parecido com o mecânico, mas atua de forma eletrônica, possuindo também um display digital e podendo se encaixar em locais com espaços menores.

Outro elemento bastante interessante é o tacógrafo digital, sendo que esse elemento no Brasil ainda não é obrigatório (modelo digital).

Ele armazena a memória durante 7 dias e transfere dados para outros tipos de mídia, assim como contém um chip que ajuda em seu armazenamento.

O código de trânsito brasileiro determina que caminhões precisam ter tacógrafos a depender de algumas especialidades, por exemplo, os que lidam com transportes de produtos considerados perigosos, os que têm um determinado tipo de peso, dentre outros.

Ou seja, esse tipo de equipamento é importante por ajudar no controle da empresa em relação ao seu motorista, mas, ao mesmo tempo, proporciona maior segurança a ele e aos motoristas ao seu redor.

Você sabe o que é decalque do chassi?

O decalque do chassi é outro elemento bastante interessante quando o assunto é manutenção. Quando ocorre a transferência de um veículo usado ou quando se compra um novo, o Departamento de trânsito exige o decalque do chassi e também do motor.

Basicamente consiste na apresentação dos números presentes no chassi e para isso, é necessário localizar onde eles estão.

O chassi está do lado direito, perto do banco do passageiro, em uma parte metálica, próximo a um elemento conhecido como cabeçote.

Além disso, com um pedaço de papel e lápis, você apoia sobre a superfície onde está o número e passa o lápis de forma leve, até que os números apareçam.

Pode ser que o chassi já tenha sido remarcado (aparecendo o termo REM), por conta de um procedimento de desgaste e corrosão.

Se você não conseguir visualizar o chassi, é possível contratar empresas que sejam especialistas em vistorias para realizar o serviço. É importante que a empresa contratada tenha cadastro no Sistema de Certificação de Segurança Veicular e Vistorias.

Manutenção em um carro blindado: como fazer?

A manutenção de carros blindados é outro assunto bastante interessante. Com o aumento da violência, muitas pessoas têm investido na blindagem de seus veículos.

Só que, ao mesmo tempo que a blindagem aumenta a segurança diante da arma de fogo, também acrescenta um custo mais elevado em sua manutenção.

Um dos primeiros detalhes é verificar a situação dos pneus, pois a estabilidade do veículo pode ser afetada (por conta do peso elevado que o vidro blindado tem).

É provável também que a suspensão do veículo também sofra um desgaste acima do normal, assim como a troca dos amortecedores.

Ainda, a manutenção do carro de um carro blindado pode receber até a troca de um motor que seja mais resistente e que consiga aguentar o peso da blindagem.

Para quem tem um veículo blindado, é importante que ele passe por algumas revisões logo no início, com 60 dias após a realização do serviço e depois a cada 6 meses.

Como citamos, a manutenção de veiculos pode abranger diversos detalhes. Em um veículo mais tradicional, os procedimentos mais comuns consiste na troca de óleo, filtro de ar, e até mesmo dos amortecedores.

Nesse quesito, o radiador também merece uma atenção especial, assim como a verificação do estado dos pneus, alinhamento e balanceamento do veículo.

Tendo esses cuidados e levando seu veículo ao mecânico, com frequência, as chances do seu veículo apresentar um problema são menores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *