Menu fechado

Conhecendo os tipos de carro para corrida

Sempre que se fala no automobilismo se pensa na Fórmula 1, extremamente popular no Brasil, sobretudo por conta de Ayrton Senna. Entretanto, as corridas de carro vão muito além dessa categoria. Neste artigo, você vai conhecer mais sobre os carros, as competições e seus tipos.

Competições populares

No Brasil, a stock car é o principal esporte motor. Também popular no México, nos Estados Unidos, no Canadá, Austrália, Grã-Bretanha e outros países.

O esporte já teve 40 temporadas. Dentre os pilotos campeões, destaca-se o Ingo Hoffman, recordista de títulos na categoria. Os carros utilizados são de alto nível técnico e completamente diferente de um carro comum, com mais de 500 CV.

Há mais de 15 mil peças em um carro de stock car, com atualização constante, importando peças e conceitos de países como a Alemanha e os Estados Unidos.

Em 2017, calculava-se que o peso do carro e do piloto juntos ficava algo em torno de 1325kg. Existem três tipos de stock car. O pure stock pode ser comprado pelo mercado comum, feito para o público em geral e são recebem a alcunha de carros de produção. Nesse tipo, apenas modificações de segurança podem ser feitos.

Os outros dois tipos de stock car não podem ser comprados pelo grande público e eles são o super stock e os late models. A categoria super stock se diferencia do pure stock por permitir que se façam alterações no motor e nos pneus, tornando o carro mais potente.

Os melhores são os carros late models. Eles são feitos com motores próprios (costumam ser importados dos Estados Unidos) e com chassi tubular.

Um tipo de carro para corrida feito para circuitos ovais é o sprint car. Esses carros são conhecidos por terem asas e costumam percorrer pistas de terra batida ou faixas pavimentadas.

Diferentemente do stock car, não é uma categoria que recebe tanta atenção no Brasil. Os países nos quais é mais popular são a África do Sul, os Estados Unidos do América, Canadá, Austrália e a Nova Zelândia.

Essa é a primeira categoria de muitos pilotos que fizeram fama em outros tipos de corrida, como é o caso de Jeff Gordon e Sarah Fischer.

Os tipos de carro sprint que existem são os tradicionais e atualmente raros carros sem asas, pois oferecem maior perigo aos pilotos e são mais lentos.

Então, há os com asas, os Midget Cars que são menores e os Micro Sprints, voltados para o público geral. Muitos amadores que pretendem seguir carreira ou simplesmente entusiastas compram os Micro Sprints para praticar esse esporte motor.

As corridas de carro são muito populares e conquistam multidões por todo o mundo, aparecendo em diferentes categorias. Alguns exemplos das principais competições são:

  • Fórmula E;
  • Fórmula Indy;
  • Fórmula Truck;
  • Nascar;
  • Dakar Rally;
  • 24 Horas de Le Mens.

Carros de arrancada

Os carros de corrida dragster são muito leves e seu motor é muito potente. São voltados para provas de arrancada, com velocidade maior que 500km/h.

Essa categoria de carro de corrida não é tão popular no Brasil, mas é a mais conhecida nos Estados Unidos. A corrida com o dragster é a principal atração da especializada em carro de arrancada NHRA (National Hot Rod Association, literalmente traduzido para Associação Nacional da Estrada Quente) e também da IHRA (International Hot Road Association, literalmente traduzido para Associação Internacional da Estrada Quente).

Esses carros podem ser comparados aos foguetes e o seu barulho é muito alto, sendo até incômodo para quem acompanha o esporte ao vivo.

A dragster brasil faz competições de arrancada no país, trazendo para o Brasil esse tipo de corrida. O público começa a se interessar por essa categoria, embora ainda esteja longe de se aproximar da popularidade da Fórmula 1 e do stock car.

É muito interessante observar que o dragster literalmente voa baixo, em menos de 4 segundos. Isso só é possível porque o impacto sofrido pelos veículos especiais é cerca de quatro vezes a força gravitacional da Terra.

Como é possível inferir, a distância percorrida pelos carros é muito curta. Antes a pista possuía apenas 400 metros e, mais recentemente, reduziu ainda mais, tendo 305 metros.

Em conclusão, os carros de corrida possuem peças especiais e são construídos para apresentar uma performance excepcional. Existem aqueles voltados para longos percursos e aqueles de arrancada, que mais parecem foguetes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *